Dê ouvidos à Palavra de Deus!
Ouça e pratique essa Palavra! Tolo é quem não o faz!
Ouça a Palavra de Deus, creia na Palavra e guarde-a em seu coração.
Esteja enraizado nela, e a coroa da vitória lhe está garantida!,
“Permaneça em vós o que ouvistes desde o princípio. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis vós no Filho e no Pai” (1 Jo 2.24).



Enganosa é a beleza e vã a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa sim será louvada. Provérvios 31:30

Web Radio Gospel Da Covilha - ((( Portugal))) Sua Amiga De Todos As Horas

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Quando Jesus Está no Caminho

A viúva de Naim

E aconteceu que, no dia seguinte, ele foi à cidade chamada Naim, e com ele iam muitos dos seus discípulos, e uma grande multidão;
E, quando chegou perto da porta da cidade, eis que levavam um defunto, filho único de sua mãe, que era viúva; e com ela ia uma grande multidão da cidade.
E, vendo-a, o Senhor moveu-se de íntima compaixão por ela, e disse-lhe: Não chores.
E, chegando-se, tocou o esquife (e os que o levavam pararam), e disse: Jovem, a ti te digo: Levanta-te. E o que fora defunto assentou-se, e começou a falar.
E entregou-o à sua mãe.


Lucas 7:11-15

 Não importa qual é a situação que você esteja passando, não saia do Caminho, pois o Senhor está vindo ao seu encontro e Ele vai mudar a sua história.

Talvez na mesma situação que você ou até pior, certo dia uma mulher, viúva, da cidade de Naim fazia a ultima caminhada ao lado de seu filho. Mas ele já não caminhava com ela, pois estava morto e era carregado em um esquife para sua ultima morada.

Uma mulher enterrar o filho não é muito anormal, mas aquela mulher havia enterrado seu marido, era viúva e ao enterrar o seu filho ela estava enterrando o seu sonho de uma vida melhor, de não passar o resto de sua vida mendigando a caridade e a ajuda dos outros.

Algumas pessoas caminhavam com ela, choravam do seu lado e nada mais que isso podiam fazer, além de oferecer um ombro amigo, uma palavra amiga... Mas isto não resolvia o problema daquela viúva.

De repente, aquela mulher nota que vem em sua direção, em direção ao enterro de seu filho, uma grande multidão, todo mundo alegre, sorridente, felizes, um cenário que contradizia com seu sofrimento e futuro incerto. Mas a frente daquela multidão vinha Jesus, o filho de Davi, logo Ele que tem o poder sobre a vida e a morte. Lendo a amargura mais profunda do coração daquela viúva, o mestre está a ponto de proporcionar a ela o encontro que mudaria para sempre sua vida.

No contexto histórico, precisamos entender que aqueles dois cortejos, um triste e um alegre não poderiam se encontrar, pois a tradição mandava que a multidão que seguia Jesus devia se condoer com a viúva e seguir com ela para o enterro do seu filho. Jesus quebra a tradição, pára o cortejo fúnebre, chama o rapaz de volta a vida e o devolve a sua mãe, que passa agora a derramar lágrimas de gratidão. Não saia do caminho meu irmão, minha irmã, pois o Senhor está vindo nele, Ele vai ressuscitar seus sonhos e restituir tudo que o inimigo roubou em sua vida.

Autor: Cido Silva
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário